Rádio Onda Viva

Emissão Online

Pesquisar

Fim das touradas na Póvoa: aficionados contra-atacam

O presidente da Câmara, Aires Pereira, anunciou o fim das touradas na praça da Póvoa de Varzim já depois do próximo verão uma vez que o espaço vai ser transformado numa unidade multiusos. Recorde a revelação aqui. Este dado que lhe foi dado a conhecer pela Rádio Onda Viva abalou o mundo dos aficionados que colocaram inclusive a correr na Internet uma petição pública para impedir o fim das corridas . Ao início desta manhã mais de 300 pessoas já tinham assinado como é visível na imagem.

Também a Prótoiro – Federação portuguesa da Tauromaquia saiu a público com um comunicado onde se acusa o autarca de ter dado o dito por não dito. “Depois de durante muito tempo o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, ter anunciado que a remodelação da Praça de Toiros da cidade ia manter todas as suas valências tauromáquicas, causou choque e surpresa entre os Poveiros e os aficionados que este fim-de-semana viesse manifestar a intenção oposta”. A Prótoiro considera que “a tauromaquia é um traço centenário da cultura e identidade dos Poveiros, sendo a sua praça um exlibris da cidade e da tauromaquia no norte de Portugal. Além disso, a tauromaquia é uma das marcas distintivas e uma das mais-valias da oferta turística e cultural da cidade e da região, com impacto económico. Basta referir a famosa Corrida TV Norte, que leva o nome da cidade aos quatro cantos do mundo”. A federação contesta o argumento de Aires Pereira de que tem de acabar com as corridas para fazer outra utilização do recinto. “Não existem limitações que impeçam a utilização da praça de toiros para funções multiusos, com a manutenção da tauromaquia. Basta ver os casos da Arena de Évora, Campo Pequeno, Redondo ou Elvas, onde as praças foram recuperadas e acumulam tranquilamente a sua função tauromáquica com as mais diversas actividades desportivas e lúdicas”, acrescenta o comunicado que lança uma dúvida: “seria um enorme contrasenso uma praça de toiros ser reabilitada e não ter a sua principal função disponível, a não ser que exista alguma intenção oculta. A Prótoiro diz-se “completamente disponível para apoiar a resolução deste processo junto da CM da Póvoa de Varzim, indicando especialistas e know-how sobre as soluções técnicas que permitirão facilmente a coexistência das mais variadas funcionalidades com a actividade tauromáquica na praça de touros da Póvoa de Varzim.“ A Federação termina informando que solicitou uma reunião urgente ao presidente da Câmara.

VianaCar

As declarações podem ser ouvidas na edição local.

  

RECOMENDADAS

Login

Emissão Online